terça-feira, 22 de março de 2011

“Hoje, se ouvirdes a Sua voz, não endureçais o vosso coração” (Hebreus 3:15)

Postado por: Edson Araújo às 00:56 Comente

 
Um a cada cinco jovens não escuta bem
Vídeo-games com volume nas alturas, festas barulhentas toda a semana e, especialmente, iPods que não saem mais dos ouvidos são alguns dos fatores que provocam a surdez precoce e progressiva de um a cada cinco adolescentes ou jovens adultos. O alerta é do engenheiro acústico francês Christian Hugonnet, presidente da Semana do Som, encerrada em Paris na última sexta-feira. “Não temos pesquisas conclusivas quanto a um número, mas o que é certo é que de 10 a 20% dos jovens já não escutam como deveriam para a sua idade”, disse Hugonnet. “É preciso parar imediatamente com o hábito de escutar música alta nos fones de ouvido. Eles ficam próximos demais dos tímpanos, e provocam uma agressão forte e irreversível ao ouvido, que vai ficando cada vez mais preguiçoso, até que pára de trabalhar”, explicou.
O especialista chama atenção para o perigo de uma ferramenta que começou na publicidade e se propagou por tudo o que diz respeito à acústica: a compressão do som, feita para que o menor dos ruídos em um comercial ou em uma música seja superior aos barulhos cotidianos, como os de trânsito. A intenção por trás do artifício sonoro é de que a voz que vende o produto, no filme publicitário, seja entendida mesmo quando disputada com os barulhos do dia-a-dia.
O problema é que a técnica se dissipou para outros ramos, inclusive para a música, e por conta disso o ser humano está cada vez menos capaz de perceber as nuances dos sons. A exposição contínua a essa deformação do som original danifica progressivamente o aparelho auditivo, causando a surdez precoce. …
Sons acima de 80 decibéis – equivalente a uma pessoa falando alto ou gritando – já devem causar preocupação, adverte Hugonnet. O tempo de exposição a altos volumes também precisa ser considerado na hora de prevenir problemas de ouvido. Escutar música em fones de ouvido por duas horas a 80 decibéis pode ser tão traumático para o aparelho auditivo quanto ouvir uma hora a 100 decibéis. …
As previsões para o futuro não são animadoras, conforme o especialista. “Daqui a 30 anos, todo o mundo que mora nas grandes cidades vai falar incrivelmente alto, para os padrões atuais – que já são mais altos que há 10 anos −, e o nosso ouvido não vai mais perceber nuances dos sons. Muita gente não vai nem saber diferenciar o som do piano em relação ao violino.”
(Terra)
Nota: É uma notícia alarmante, sem dúvida. Mas há outro tipo de “surdez” se alastrando rapidamente e contra a qual devemos estar ainda mais atentos: “Hoje, se ouvirdes a Sua voz, não endureçais o vosso coração” (Hebreus 3:15).

Ninguém comentou :(

Postar um comentário

EM CASO DE DÚVIDAS:
- Seu comentário de preferência precisa ser relacionado com o assunto do post;
- Link quebrado ou algo assim, POR FAVOR avise o mais rapido possivel para que possamos corrigir;
- Cuidado com as palavras, não use palavrões e nem palavras que venham a ofender alguém. Comentários desse gênero não serão publicados;
- Se quiser deixar sua URL, comente usando a opção OpenID;
- Com as suas dúvidas exclaressidas... opine, discuta, verbalize, interaja;

QUE A GRAÇA E A PAZ DO NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO ESTEJA COM TODOS VOCÊS!

VOLTE SEMPRE!

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p