segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Os Mistérios do livro do Apocalipse

Postado por: Edson Araújo às 13:18 Comente

Aos mistérios do Apocalipse O Mistério do livro do Apocalipse
Antes de começar, quero deixar aqui uma dica ótima para o estudo dessa nova revista Lições da Palavra de Deus da editora Central Gospel, é o livro Os mistérios do Apocalipse, escrito por Joá Caitano. Servirá como um auxilio no estudo desse trimestre, enriquecendo mais o conteúdo da EBD desse trimestre.
Apocalipse:
O livro da Revelação. Chama-se assim o último livro da Bíblia pelo fato de conter as proféticas doutrinas reveladas ao autor por Jesus Cristo. E também conhecido como o principal livro usado na matéria chamada de Escatologia Cristã, que é o estudo do fim das coisas, tanto o fim de uma vida individual, ao final da época, ou o fim do mundo. “
Informações Importantes
Autor: A sua autoria é, pelo próprio livro, atribuída a João (1.1,4,9 – 22.8). Foi o servo de Jesus Cristo (1.1), o qual atestou a palavra de Deus e o testemunho de Jesus Cristo (1.2). A igreja Primitiva, num testemunho quase universal, diz que o autor do Apocalipse é o Apóstolo João, filho de Zebedeu, o mesmo que escreveu o quarto Evangelho.
Local: Patmos foi usada como um lugar de banimento durante os tempos romanos. Segundo uma tradição preservada por Ireneu,Eusébio, Jerônimo e outros, o exílio de João aconteceu em 95 d.C
Data: Com respeito à DATA do livro, é muito discutido. A questão principal é saber se o desterro de João para Patmos, aconteceu quando Nero era imperador de Roma (64 a 68 A.D.), ou no tempo do imperador César Domiciano (81 a 96). Outros historiadores afirmam que  ocorreu aproximadamente no ano 91 a.C.
Porque existe essa divergência?
Muitos acham que dependendo da data certa dá pra saber se algumas revelações feitas por João aconteceram naquela época.
Os preterista, que diz terem tido as profecias do Apocalipse o seu cumprimento na primeira idade da igreja. os críticos do sistema preterista afirmam que uma grande parte do livro refere-se ao tempo da perseguição de Nero e da rebelião judaica. os sete reis de que fala o v. 10 do cap. 17 significam os imperadores Augusto, Tibério, Gaio Calígula, Cláudio, Nero, Galba e oto. o que se diz em 13.18 com respeito ao número da besta, 666, corresponde, segundo este sistema de interpretação, ao valor numérico das letras hebraicas nas palavras Nero César.
Observações necessárias ao estudo do Apocalipse
Inspiração, Iluminação e Revelação
Para um bom estudo do livro do Apocalipse devemos sempre nos atentar a três fatores Inspiração (Inspiração é o conceito teológico segundo o qual as Escrituras do Antigo e do Novo Testamentos receberam uma supervisão especial do Espírito Santo, de tal sorte que as palavras ali registradas expressam, de alguma maneira, a revelação de Deus.) iluminação e revelação do Espirito santo.
Método Contextual: Outra forma de entender o livro é o método de contextualizar, ou seja, é examinar tudo que esta antes e depois do versículo.  Contexto: Contexto é a relação entre o texto e a situação em que ele ocorre. É o conjunto de circunstâncias em que se produz a mensagem – lugar e tempo, cultura do emissor e do receptor, etc. – e que permitem sua correta compreensão. É aquilo que o Pr. Silas Malafaia sempre diz “Texto sem contexto é pretexto para heresia”.
Evite polêmicas.
Devemos evitar as discursões polemicas pois o  livro contem vários mistérios parcialmente revelados pra nós e nunca utiliza interpretações pessoais. É extremamente importante estuda-lo com oração e direcionamento do Espirito Santo de Deus pra trazer a luz o esclarecimento ideal das escrituras. Jamais acrescente ou retire nada desse livro, pois foi ordenado ao discípulo João escrever tudo que tinha sido revelado.
Este livro é do mesmo caráter profético, que distingue os livros de Daniel e Ezequiel. Esta literatura apocalíptica teve sempre por fim animar e estimular o povo judeu, em tempos de desgraça nacional, com a certeza de um futuro glorioso pela vitória do Libertador de Israel que havia tanto tempo se esperava. o conteúdo pode ser dividido da maneira seguinte: A primeira parte (1 a 3) refere-se ‘às coisas que são’, e compreende uma visão preparatória das perfeições divinas, a simpatia do Redentor para com os homens, e também as epístolas aos ‘anjos’, que são personificações do espírito de cada uma das sete igrejas.
Atitudes essenciais para entender os Mistérios do Apocalipse
Ter uma vida reta diante de Deus buscando a santificação e tendo sempre em mente que devemos anunciar a vinda de Jesus Cristo para toda humanidade, pregando, ensinando e anunciando os sinais do tempo que Jesus tinha dito que aconteceria antes de sua vinda.

Ninguém comentou :(

Postar um comentário

EM CASO DE DÚVIDAS:
- Seu comentário de preferência precisa ser relacionado com o assunto do post;
- Link quebrado ou algo assim, POR FAVOR avise o mais rapido possivel para que possamos corrigir;
- Cuidado com as palavras, não use palavrões e nem palavras que venham a ofender alguém. Comentários desse gênero não serão publicados;
- Se quiser deixar sua URL, comente usando a opção OpenID;
- Com as suas dúvidas exclaressidas... opine, discuta, verbalize, interaja;

QUE A GRAÇA E A PAZ DO NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO ESTEJA COM TODOS VOCÊS!

VOLTE SEMPRE!

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p