segunda-feira, 18 de abril de 2011

A grande revolução espiritual

Postado por: Edson Araújo às 19:53 Comente

Posso afirmar que a Reforma Protestante foi uma Revolução Espiritual 
que ocorreu no início do século XVI d.C (1517 a...
Posso afirmar que a Reforma Protestante foi uma Revolução Espiritual que ocorreu no início do século XVI d.C (1517 a 1545). Esta revolução foi causada por diversos motivos: econômicos, políticos, geográficos, sociais e tantos outros, mas o principal foi o clamor pela volta da Igreja à pureza original do cristianismo do Novo Testamento.
Por incrível que pareça, muitas pessoas em nossos dias nunca ouviram falar da Reforma Protestante, outras até já ouviram falar ou leram em algum livro de história secular. No entanto, você saberia dizer qual foi a real importância desta Revolução Espiritual no passado e em nossas vidas hoje?
Uma das grandes heranças que tivemos com este movimento foi à liberdade de interpretação da Bíblia. Antes somente sacerdotes Católicos (padres, bispos, arcebispos) tinham acesso as Escrituras. O povo vivia aprisionado intelectualmente sem o direito de questionar e agir pela sua própria vontade. Era um tempo de completa escravidão espiritual. Hoje somos livres para ler e interpretar a Bíblia, somos livres para adorar ao Senhor de acordo com a vontade do Espírito de Deus.
A Reforma não aconteceu sozinha, ela foi conseqüência da ousadia de homens que não se conformaram com a miséria espiritual patrocinada pela Igreja Romana. Os reformadores buscaram desenvolver uma teologia baseada nos ensinamentos de Jesus, e isto somente poderia acontecer se a Bíblia novamente tornasse a ser a máxima autoridade da Igreja, coisa que não acontecia mais naquela época.
“Toda a Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça; a fim de que o homem seja perfeito e perfeitamente preparado para toda boa obra” (II Tm 3.16,17).
Será que hoje em dia a Bíblia tem sido a nossa única regra de fé e conduta? Os revolucionários do século XVI não se conformaram com o tradicionalismo que corrompia e cegava a Igreja. Muito mais que isto, estes homens foram radicalmente contra a opressão religiosa que aniquilava a sociedade e descaracterizava a beleza do evangelho de Cristo. Será que hoje não precisamos repensar novamente o conceito de Igreja que está proposto? Até quando iremos permitir que liturgias vazias e sem sentido nos escravizem e nos afastem do verdadeiro cristianismo? Onde está a comunidade cristã que Jesus nos deixou como herança para abençoar o Seu povo?
Um dos homens mais influentes daquela Revolução foi Martinho Lutero. A Reforma teve como marco inicial à fixação de suas 95 Teses na porta da Igreja do Castelo de Wittenberg na Alemanha em 31 de outubro de 1517. Este homem ousou desafiar o sistema religioso corrompido da Igreja Romana em busca de uma liberdade e pureza espiritual pregada e vivida por Jesus.
Lutero não foi um rebelde sem causa. Sua intenção era restaurar a Igreja Católica através de uma retomada aos conceitos bíblicos, onde todo homem somente poderia ser salvo pela sua Fé pessoal em Jesus mediante a Graça de Deus revelada nas Escrituras. Para que isto acontecesse o homem deveria tomar sua própria decisão.
Não foi do interesse de Lutero iniciar uma nova denominação, muito embora isto acabou sendo inevitável. Às vezes vejo pessoas inconformadas com a sua Igreja ou denominação e me pergunto: “Qual a verdadeira intenção?” Não precisamos mais de novas denominações, o que realmente precisamos é de pessoas santas que busquem ser ainda mais santos como Jesus é santo. Denominações não salvam ninguém, Jesus salva.
Estamos precisando de uma nova Revolução Espiritual, mas não fique esperando pelos outros, comece com você. Lutero ousou em seu tempo. Ele não se conformou com o pecado institucional. Nós podemos revolucionar ainda mais, não podemos nos conformar com o pecado, não podemos continuar omissos a iniqüidade e nem ao menos deixar que o mundo nos corrompa e nos afaste da fonte da vida que é Jesus.
Jesus deseja que façamos uma Grande Revolução Espiritual. Tudo depende de mim e de você. A Reforma foi sim uma revolução espiritual, mas nossa geração necessita de uma Grande Revolução e você juntamente comigo somos peças fundamentais para que isto aconteça.

Ninguém comentou :(

Postar um comentário

EM CASO DE DÚVIDAS:
- Seu comentário de preferência precisa ser relacionado com o assunto do post;
- Link quebrado ou algo assim, POR FAVOR avise o mais rapido possivel para que possamos corrigir;
- Cuidado com as palavras, não use palavrões e nem palavras que venham a ofender alguém. Comentários desse gênero não serão publicados;
- Se quiser deixar sua URL, comente usando a opção OpenID;
- Com as suas dúvidas exclaressidas... opine, discuta, verbalize, interaja;

QUE A GRAÇA E A PAZ DO NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO ESTEJA COM TODOS VOCÊS!

VOLTE SEMPRE!

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p